Voltar

Nunca é tarde para começar: mais benefícios da suplementação para seniors

O artigo de hoje é bem direto ao ponto: nós vamos mostrar como a suplementação traz incríveis benefícios para os seniors. Contudo, antes de começar, é sempre bom trazer uma recomendação.

Este artigo não tem o intuito de substituir uma indicação médica. Nutricionistas e médicos são prioridades e você deve consultar um profissional capacitado antes de assumir uma dieta nova.

Contudo, compilamos uma série de informações sobre os benefícios da suplementação para pessoas acima dos 50 anos. E é sobre este assunto que vamos falar hoje.

E claro, todas as informações foram verificadas e você pode confiar na idoneidade dos dados.

Muito bem, vamos começar. Fique confortável e aproveite a leitura.

Leia também: Consumo diário de proteína: qual é a indicação nutricional apropriada?

Deficiência de proteína

A perda de massa muscular que ocorre depois dos 50 anos, devido ao processo natural de envelhecimento, é chamada de sarcopenia. Cerca de 45% dos idosos enfrentam este problema.

Entre as causas, estão: vida sedentária, perda de neurônios que levam estímulos aos músculos, deficiência de vitamina D e pouca ingestão de proteína.

Na terceira idade, também é comum ver uma diminuição na ingestão de carnes, que são ótimas fontes de proteína, pela falta de apetite e dificuldade na mastigação.

Com o tempo, isso causa dificuldades ao caminhar, perda de força para fazer pequenos esforços – como levantar de uma cadeira – cansaço e fadiga constantes.

Por isso, além de fazer exercícios de musculação, é recomendado que homens e mulheres acima dos 65 anos aumentem o consumo de proteína para evitar ou combater a sarcopenia. 

Sobre saúde: Livre-se das doenças: conheça o papel da proteína no sistema imunológico

Whey protein para a saúde de idosos

A whey protein contém alto teor de aminoácidos essenciais, de cálcio e de peptídeos bioativos do leite. Essa composição garante a ela alto valor nutricional, podendo auxiliar na prevenção de doenças e na melhora da qualidade de vida para a terceira idade.

Além disso, possui absorção rápida e maior digestibilidade, garantindo melhor manutenção das proteínas presentes no organismo.

Geralmente, pessoas com idade acima de 65 anos tendem a perder maior quantidade de massa magra por redução de resposta ao anabolismo e à absorção de cálcio.

Por isso, existe uma necessidade significativa do organismo de obter maior quantidade de proteínas ao dia, inclusive pelo fato de que a terceira idade tende a consumir, naturalmente, um volume menor de alimentos do que os jovens adultos.

Desta forma, a suplementação da proteína do leite pode reduzir significativamente a perda de sua massa muscular, minimizar processos inflamatórios em geral e prevenir o surgimento de doenças agudas ou crônicas relacionadas à idade.

Ainda podemos levar em consideração a alta quantidade de cálcio presente em sua composição, que pode auxiliar na prevenção da osteoporose.

Veja também: Qualidade mais do que quantidade: como avaliar a qualidade da sua alimentação diária

Seniors podem se beneficiar do uso do Whey Protein?

Sim, pois o Whey Protein contém altos teores de aminoácidos essenciais. São doses de cálcio e peptídeos bioativos originários do leite. Esses elementos garantem um alto valor nutricional e são auxiliares na prevenção de inúmeras doenças.

Além de tudo, a prática da atividade física traz uma melhora como um todo na qualidade de vida da terceira idade. 

Para completar, como o Whey Protein é uma substância de absorção rápida e fácil digestibilidade, garante ótima manutenção das proteínas presentes no organismo.

Sendo assim, não há qualquer contra indicação para o consumo de Whey Protein na terceira idade.

Contudo, vale salientar que é preciso tomar as doses certas de suplementação, e sempre devemos reforçar que deve-se fazer consultas regulares ao médico para garantir a boa saúde. 

Saiba mais: Whey Protein e diabetes: entenda a relação entre os dois e mantenha sua saúde

Proteína do soro do leite

As proteínas do soro do leite possuem excelente perfil de aminoácidos essenciais, os quais fornecem substrato para manutenção da massa muscular.

A suplementação com 30-45g de proteína intacta em idosos poderia se tornar uma substituição dietética ao invés de um complemento, especialmente se não houver aumento proporcional da atividade física regular.

As proteínas do soro ainda são bem indicadas ao público idoso devido às suas propriedades muito favoráveis à saúde em geral.

Diminui o risco de doenças infecciosas e também as consideradas crônicas ou degenerativo estímulo ao sistema imunológico, proteção contra microrganismos patogênicos, contra alguns tipos de vírus como HIV e vírus da Hepatite B, proteção contra o câncer de cólon e da mucosa gástrica, problemas cardiovasculares e osteoporose (na falta de cálcio para idosos).

Leia em seguida: Não pare, é apenas outono!

Cálcio

Assim como os músculos, a estrutura dos ossos é extremamente importante para uma qualidade de vida satisfatória e independente na terceira idade. O cálcio é um dos minerais que contribui para isso.

O ganho de massa óssea vai geralmente até os 20 anos de idade e a perda inicia a partir dos 40. A carência desse nutriente intensifica a chance do desenvolvimento de osteoporose, problema comum na terceira idade.

Essa é uma doença que enfraquece os ossos e, se não controlada, pode progredir com o envelhecimento e aumentar o risco de fraturas, especialmente no quadril, na costela e no fêmur.

Para evitar esse mal, é recomendado a ingestão de cálcio para mulheres até 50 anos e homens até 70 de 1000 mg/dia. Após essa idade, a quantidade passa para 1200 mg/dia.

Você pode abusar dos alimentos ricos nesse mineral, como o leite, o queijo e a sardinha. Se ainda não for suficiente, a suplementação é uma estratégia para alcançar os níveis diários indicados.

Vale destacar que para a adequada absorção do nutriente, é necessário a presença de vitamina D e magnésio.

O Cálcio de Algas, por exemplo, é composto também por essa vitamina, por isso, é uma boa alternativa de suplemento para idosos. Além disso, estudos mostram que esse produto tem absorção até 30% maior quando comparado às outras fontes de cálcio.

Esperamos que este artigo tenha mostrado para você como é possível conquistar a saúde em todas as idades.

Se você quer continuar lendo artigos como este, continue acompanhando o nosso blog. Estamos sempre trazendo dicas, conselhos e novidades sobre alimentação que gera resultados. 

Agradecemos a leitura e até a próxima!

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência e recomendar conteúdo de seu interesse. Você pode concordar ou discordar com a coleta de cookis. Para mais informações veja a nossa Política de Privacidade.